Gonçalense segura empate com o Audax e se classifica na Copa Rio



O Gonçalense está classificado às semifinais da Copa Rio. O Tricolor Metropolitano empatou com o Audax, por 1 a 1, em Moça Bonita, e chegou aos cinco pontos na segunda fase, porém, caindo para a segunda colocação. Por outro lado, o Laranja Meritiense empatou todos os jogos, ficou com três pontos e só volta a campo em 2016.

Fazendo valer o mando de campo, o Gonçalense começou pressionando o Audax. Aos cinco, Nélio pegou a sobra da defesa e tentou por cobertura, mas o goleiro Gabriel se recuperou e defendeu. No lance seguinte, João arrematou da entrada da área e novamente o arqueiro salvou.

O Audax tentava ameaçar nos contra-ataques, porém, a defesa gonçalense mostrava solidez. E o Tricolor Suburbano teve a sua melhor oportunidade de gol aos 40 minutos, quando Sabão recebeu bom passe de Nélio, limpou a marcação e chutou rente a trave direita.

Se no primeiro tempo o Gonçalense teve amplo domínio da posse de bola, a etapa final foi mais aberta. Nélio, aos cinco, avançou pela esquerda e bateu para a boa defesa de Gabriel.

O Audax deu o troco três minutos depois, com Desco. Ele recebeu passe de Gaxupé e chutou forte, mas Julio espalmou.

Aos poucos o jogo ia esquentando e o time do Jardim Catarina tratou de abrir o placar. Sabão fez grande jogada pela direita, cortou para o meio e mandou no ângulo direito de Gabriel para marcar um belo gol na Zona Oeste, aos 17. Porém, na saída de bola, o Laranja Meritiense empatou com Borebi, que aproveitou a sobre e encheu o pé para estufar a rede: 1 a 1.

Como a Portuguesa triunfava diante do Madureira, coube ao Audax se lançar ao ataque e buscar a virada. No entanto, a equipe cedia espaços para o Gonçalense, que ficou próximo do segundo tento em chute venoso de Willian Amendoim. Pressionando, o time de Luciano Moraes ficou no quase com Borebi e Fabrício, mas Julio apareceu na hora certa e assegurou a vaga do Tricolor Metropolitano.

#gonçalense #Audax #CopaRio #Empate

SINTONIZE AS

NOSSAS RÁDIOS

NO AR | Web Rádio Jovem Carioca