Nova Iguaçu joga mal e Barra Mansa aproveita



Campeão da Taça Santos Dumont, o Nova Iguaçu conquistou neste domingo (15) seu primeiro ponto na Taça Corcovado, o segundo turno do Campeonato Carioca da Série B. Atuando no Laranjão, o Orgulho da Baixada empatou em 1 a 1 com o Barra Mansa, pela terceira rodada. O próximo compromisso está marcado para quarta-feira (18), contra o Santa Cruz/Belford Roxo, no Marrentão, em Duque de Caxias.

>> O jogo – O Nova Iguaçu saiu na frente logo aos cinco minutos, com Paulo Henrique na sua especialidade. O capitão cobrou falta com extrema categoria, no ângulo esquerdo do goleiro Santos. A equipe laranja teve a chance de marcar o segundo oito minutos depois, quando Gláuber enfiou para Adriano e o camisa 99 chutou rasteiro, mas Santos fez uma ótima defesa com o pé direito. Antes da parada técnica, o Barra Mansa começou a sair mais para o jogo e impôs dificuldades ao Nova Iguaçu. Vinicius teve duas boas chances – na primeira, marcou o gol, mas a arbitragem invalidou o lance, e na segunda chutou por cima. O Nova Iguaçu não conseguia trocar passes no meio e quem tinha a maior posse de bola era a equipe visitante.

Aos 37 minutos o lateral-direito Yan foi expulso após receber dois cartões amarelos, deixando o Nova Iguaçu com um a menos e em mais dificuldades. Apesar da inferioridade numérica, o time teve novamente a chance de ir para o intervalo com uma vantagem maior. Aos 45, Schwenck recebeu de Dudu, mas chutou à direita do gol, com perigo.

O segundo tempo começou com o Barra Mansa em cima. Vinicius escorou escanteio da direita no primeiro pau e Jefferson fez grande defesa. A equipe visitante seguiu pressionando, mas o Nova Iguaçu aos poucos conseguiu melhorar na partida. Lucas quase marcou um golaço após joga individual, mas parou novamente no goleiro Santos. Depois, Lucas cruzou e Adriano quase empatou de carrinho.

Quando o Nova Iguaçu parecia ter retomado o controle da partida, o Barra Mansa conseguiu empatar. Após escanteio cobrado na esquerda, Jefferson fez a defesa, deu rebote e Vinicius igualou o marcador. A equipe do Sul Fluminense se empolgou e dois minutos depois acertou o travessão de raspão, com Eliélton chutando quase sem ângulo.

Mas aí, Jean foi expulso do lado de Barra Mansa, deixando as duas equipes em igualdade também no número de jogadores. E então, o Nova Iguaçu voltou a pressionar, mas parou em Santos. O goleiro do Barra Mansa salvou o time visitante em três oportunidades: aos 44, em chute de Adriano; aos 47, em cabeçada à queima-roupa de Simões; e aos 48, em chute de Gláuber.

FICHA TÉCNICA NOVA IGUAÇU 1 x 1 BARRA MANSA Local: Estádio Jânio Moraes, o Laranjão, em Nova Iguaçu Data-Hora: 15/5/2016 – 15h Árbitro: Márcio de Almeida Rocha Auxiliares: Rodrigo Teixeira de Freitas Braga e Ricardo Nogueira da Silva Renda e público: R$ 3.140,00 / 174 pagantes / 352 presentes Cartão amarelo: Yan e Vinicius Matheus (NOV); Flávio e Tales (BMA) Cartão vermelho: Yan (NOV); Jean (BMA) Gols: Paulo Henrique 5min/1ºT (NIFC) e Vinicius 27min/2ºT (Barra Mansa) >> Nova Iguaçu: Jefferson; Yan, Raphael Azevedo, Simões e Lucas; Paulo Henrique, Marquinhos (Vinicius Nunes) e Gláuber; Jean (Dudu), Adriano e Schwenck (Vinicius Matheus). Técnico: Edson Souza. >> Barra Mansa: Santos; Wesley (Jean), Gustavo, Rômulo e Arimax; Flávio (Eliélton), Jorginho (Tales), André e Salomão; Vinícius e Lucas. Técnico: Luiz Fernando Irala.

Por Bernardo Gleizer/Assessoria de Imprensa do NIFC Colaborou: Jota Carvalho/Redação/Papo Esportivo

#novaiguaçu #BarraMansa #CampeonatoCarioca2016 #SérieB #2016 #Cariocão #EstadioJânioMoraes

Posts recentes

Ver tudo

SINTONIZE AS

NOSSAS RÁDIOS

NO AR | Web Rádio Jovem Carioca