TODOS BOTARAM NO BIRA! Confira o Guia do Cariocão 2017



Calma, não se assuste com o titulo. O que estamos falando é que, pelo menos por enquanto, não teremos problemas na primeira rodada com atletas não registrados no BIRA (Boletim Informativo de Registro de Atletas) .A partir de quarta-feira (11), a bola denominada Samba (foto) vai rolar no Cariocão da Série A. Com regulamento diferente do ano anterior, agora prevendo uma espécie de seletiva, seis clubes entram em campo mais cedo buscando um lugar na fase principal ou tendo depois que se contentar a apenas lutar contra o rebaixamento.

Saiba como os clubes que participarão desta primeira fase do Cariocão da Série A estão se preparando para rolar a pelota em 5 rodadas a serem disputadas em 14 dias no calor “aconchegante” do Rio de Janeiro nesta época do ano.


- Bonsucesso

Após uma briga judicial sobre quem comandaria o futebol do centenário clube rubro-anil, a direção ficará a cargo de Marcelo Salgado, gestor do time nas duas últimas temporadas.

A equipe teve pouco tempo de preparação e conta com um elenco bem diferente daquele que disputou a edição passada, restando poucos atletas como Matheus Salgado, Pimenta e Dudu. Ao todo, 21 atletas estão registrados na Federação em condição de jogo para a estreia.

No comando da equipe, após muito tempo fora do Rio de Janeiro, depois de passagens de sucesso por Olaria, Madureira e Americano, Heron Ferreira retorna ao futebol carioca confiante em uma boa campanha do Bonsucesso nesta primeira fase. Após vinte dias de preparação, em jogos-treino, o Bonsuça venceu o Bangu e perdeu para o Madureira e Vasco.

- Cabofriense

O Tricolor Praiano vem se preparando desde novembro sob o comando de Antônio Lopes Júnior. O último jogo-treino terminou com vitória diante do Juventus. Após, a opção do comando técnico foi intensificar os treinamentos táticos e físicos para que a equipe da região dos lagos possa chegar à segunda fase.

Sobre a equipe, ela é muito diferente daquela que disputou a competição no ano passado. Com 31 atletas já registrados na Federação em condição de jogo para a estreia, os destaques ficam por conta do experiente zagueiro Leandro Euzébio e do atacante artilheiro Sabão.

- Campos

Debutando na primeira divisão do Cariocão, o Campos optou por manter a base que conquistou o acesso inédito após o vice-campeonato da Série B somado com reforços pontuais, como o lateral Raphael Neuhaus e o meia Willian Bersan.

Em sua ascensão meteórica, indo da Série C para a A com a mesma base em dois anos, inclusive no comando técnico, capitaneada pelo técnico Rafael Soriano, a equipe campista pretende mostrar que o resultado não foi acidental e, com a manutenção de nomes importantes como Bambu, Washington, Miguel, Paquetá e Anderson Manga galgar mais um degrau e se classificar para a segunda fase.

O clube conta com 34 atletas já registrados na Federação em condição de jogo para a estreia e será obrigado a mandar suas partidas em Cardoso Moreira, pois não há estádio em Campos dos Goytacazes com todos os laudos exigidos.

Nos últimos jogos-treino, o Roxinho venceu o Sub 20 do Botafogo e empatou com o Serra Macaense e o Tombense (MG).

- Nova Iguaçu

A Laranja da Baixada optou por manter a filosofia que vem gerando frutos de sucesso. Para a disputa da primeira fase, o clube optou por manter a base campeã da Série B do ano passado somando reforços entendidos como importantes pelo técnico Edson Souza, mantido no cargo após o acesso. Atletas de destaque no campeonato como Jefferson, Lucas e Paulo Henrique permanecem na equipe, que vem treinando há dois meses.

Mesmo com muitos atletas emprestados para outros times, o clube conta com 33 atletas já registrados na Federação em condição de jogo para a estreia, demonstrando a filosofia de ser uma referência na formação de atletas.

Nos últimos jogos-treino, o Nova Iguaçu venceu o Boavista e empatou com o Sub 20 do Fluminense.

- Portuguesa

A Lusa Carioca é a equipe que mantem sua base há mais tempo em campo. Nomes como Allan, Maicon Assis, Silvano, Pessanha, Adriano, Belarmino, Victor Hugo e Romarinho integram a equipe desde os tempos em que o Rubro-Verde disputava a Série B.

Após a conquista da vaga na Série D do Campeonato Brasileiro para este ano, a Lusa Carioca objetiva chegar à segunda fase também como forma de manter em atividade de alto nível o grupo que disputará a competição nacional.

Sob o comando do técnico Nelson Rodrigues, mantido após a Copa Rio, a equipe conta com 34 atletas já registrados na Federação em condição de jogo para a estreia. Mas, por conta do acordo com o Flamengo para adaptações do Estádio Luso Brasileiro, a Portuguesa mandará suas partidas no Estádio Mourão Filho, pertencente ao Olaria.

- Tigres do Brasil

A Fera da Baixada aposta na organização para chegar à segunda fase da competição. Com 31 atletas já registrados na Federação em condição de jogo para a estreia, neste ano o time de Xerém não corre riscos de perder pontos como ocorreu no ano passado, da mesma forma que o Bonsucesso.

O time foi praticamente remontado em relação ao do campeonato anterior. Poucos atletas permaneceram na equipe como Gean, Santiago e Nathan. Porém, a grande atração estará no banco de suplentes. Felipe (técnico) e Pedrinho (auxiliar) pretendem reeditar no outro lado da linha o sucesso da dupla nos gramados desde as categorias de base do Vasco.

Apesar da equipe se preparar há mais de dois meses, Felipe ressaltou que as últimas semanas foram efetivamente utilizadas para treinar a equipe, pois o plantel foi sendo formado aos poucos através de peneiras e contratações. Nos últimos jogos-treino, a Fera da Baixada perdeu para o Volta Redonda, empatou com o Madureira e venceu o Sub 20 do Fluminense.

#CampeonatoCarioca2017 #primeirarodada #primeirafase #Bonsucesso #Cabofriense #Campos #novaiguaçu #Portuguesa #TigresdoBrasil

Posts recentes

Ver tudo

SINTONIZE AS

NOSSAS RÁDIOS

NO AR | Web Rádio Jovem Carioca