Leão da Coroa Mantém Juba e Avança na Copa Rio



Com transmissão da Web Rádio Jovem Carioca, o Campos Atlético Associação garantiu o direito de disputar a primeira fase da Copa Rio. Nesta quarta-feira, no estádio Ângelo de Carvalho, o Roxinho se classificou ao empatar por 1 a 1 com o Centro de Integração Geracional 7 de Abril. Como havia vencido por 2 a 1 há uma semana, no estádio Giulite Coutinho, o clube do Parque Leopoldina ficou com a vaga. Dioguinho fez o gol da classificação, de pênalti, depois de Alex Sandre ter aberto o placar. O próximo adversário na competição será o Nova Cidade.

Com a chuva caindo forte, o primeiro tempo começou muito truncado. Porém, aos poucos os jogadores se acostumaram com a adversidade e passaram a colocar a bola no chão, mesmo com um gramado muito irregular. O 7 de Abril estava melhor no início e teve duas chegadas perigosas com Davi, mas o camisa 10 foi travado em ambas as oportunidades.

O Campos foi o primeiro a assustar, de fato. Aos 17 minutos, Tom chutou cruzado e viu a bola desviar na zaga, mas Flávio Melo fez grande defesa no contrapé. Pouco depois, em contra-ataque rápido, DG tocou um pouco atrás e Yuri ficou sem espaço na área. Acabou sendo desarmado na hora do chute.

A parada técnica fez bem ao 7 de Abril. Por muito pouco Cassiano não abriu o placar em chute da meia-lua. A bola explodiu na zaga e foi para escanteio. Davi cobrou na cabeça de Alex Sandre, que marcou numa bela cabeçada: 1 a 0.

Apesar do gol sofrido, o Campos não se abateu. O empate só não saiu aos 33 minutos porque Gean furou na frente do goleiro. Logo em seguida, porém, o zagueiro adversário cortou um cruzamento rasteiro com o braço e o árbitro deu pênalti. Flávio Melo quase defendeu a cobrança de Dioguinho, mas o toque na bola não teve força suficiente para impedir o gol. A reta final do primeiro tempo ainda teve uma pressão roxa, mas, na melhor chance, Índio recebeu na entrada da área e chutou em cima da zaga.

Enganou-se quem pensou que o Campos voltaria para o segundo tempo recuado. O 7 de Abril até teve uma grande oportunidade de ficar novamente em vantagem, mas em lance isolado. Davi recebeu passe em profundidade e ganhou dos marcadores na corrida, só que chutou sem direção. A prova de que o Roxinho continuou atacando foi o gol anulado de Yuri, após cruzamento de Jairo, de três dedos. A cabeçada foi certeira, mas a posição era irregular. Depois do tempo técnico, DG teve uma finalização cruzada e com desvio. A bola só não foi parar no fundo da rede porque Flávio deu um tapinha para escanteio. Apesar da pressão do 7 de Abril no fim, nenhuma chance de perigo foi criada.

O primeiro confronto do Campos contra o Nova Cidade será no dia 25 de julho, às 15h, no mesmo local. A partida de volta está marcada para 1º de agosto, no estádio Joaquim Flores.

A partida

Campos 1x1 7 de Abril - Copa Rio, Fase Preliminar, Jogo da Volta - 11/07/2018, às 15h

Estádio Ângelo de Carvalho (Campos dos Goytacazes - RJ)

Árbitro: Lucas Estevão

Assistentes: Thiago Varela dos Santos e Ivan Silva Araújo

Campos: Gláucio; Jairo, Leandrão, Thurram e Tom (Ralph); Índio, Vinicinho e Dioguinho (Jhonathan); Yuri, Gean Moreno (Chumbinho) e DG. Técnico: Branco

7 de Abril: Flávio; Renan Falcão, César Pinto, Wesley e Huggo Guerra (Wilson); Ferreira, Rafael Monteiro (Gabriel Cerqueira), Cassiano (Edgar) e Davi; João Vitor e Alex Sandre. Técnico: Carlos Alberto Santos.

Cartões amarelos: Gean Moreno, Índio (CAA); Cassiano (CIG 7A);

Fonte: Folha 1

Foto: Agência FERJ


SINTONIZE AS

NOSSAS RÁDIOS

NO AR | Web Rádio Jovem Carioca